quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Rotinas Administrativas

O Museu Julio de Castilhos, além de seu quadro técnico, possui um quadro com servidores do Setor Administrativo, um trabalho que muitas vezes, passa desapercebido aos olhos dos visitantes e frequentadores do museu, mas de vital importância para a manutenção dos trabalhos desta casa museológica.
Estas rotinas administrativas, ajudam a Direção na sistematização de procedimentos internos e externos que facilitam a gestão pública do espaço, e por isso, subsidiam e orientam as mais diversas e amplas ações que o museu executa, formula e sistematiza internamente e externamente.
Esta manutenção da instituição, exercida por este setor mostra uma visão estratégica de desenvolvimento, pois todos os procedimentos são passados por este setor, que analisa, observa, recomenda, sublinha e expede recomendações a direção para a decisão final dos processos a serem analisados.
É este setor, que observa as rotinas funcionais de pessoal e da preservação do patrimônio edificado e mobiliário da instituição, além de expedir as correspondências oficiais e afins no museu. O setor busca ainda orientar o trabalho da Associação de Amigos do Museu Julio de Castilhos da melhor forma e de como deve proceder na relação com o museu.
Por isso, definimos que o trabalho do Setor Administrativo é uma forma de planejamento sistêmico e permanente dentro da nossa instituição, "O processo de planejamento portanto diz respeito a um conjunto de princípios teóricos, procedimentos metodológicos e técnicas de grupo que podem ser aplicados a qualquer tipo de organização social que demanda um objetivo, que persegue uma mudança situacional futura. O planejamento não trata apenas das decisões sobre o futuro, mas questiona principalmente qual é o futuro de nossas decisões." (MATUS, 2011).
Com isso, as decisões tomadas numa gestão que escuta o setor técnico e administrativo, são elementos onde todos são construtores de trabalho e de rotinas, baseados em planejamentos em reuniões com as equipes em suas especificidades, assim as rotinas administrativas ajudam a delinear o alcance de um objetivo que o museu persegue ou visa a vir a perseguir, sendo indicativos de procedimentos para se chegar a este fim.
É com esta relevância de trabalho que estamos, aprofundando as nossas rotinas administrativas no museu.

Joel Santana
Diretor do Museu Julio de Castilhos

Referência Bibliográfica

MATUS, Carlos. O Que é Planejamento Estratégico Situacional. Disponível em: <http://www.espacoacademico.com.br/032/32ctoni.htm> Acesso em 01 de dezembro de 2011.