segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

CARNAVAL


O Carnaval é a mais popular e democrática das festas brasileiras.
Na tradição cristã representa um afrouxamento mesmo que efêmero da censura, pelo transbordamento dos sentidos, pela embriaguez e pelo transe em praticamente todos os povos. Após este período se impõe a Quaresma, quarenta dias que antecedem a Páscoa.  

Rito, a bem dizer imemorial, presente espontaneamente em todos os lugares. 
Na construção da  identidade desta festa nacional, surge uma Estética de Carnaval, o rito que teatraliza um enredo, a máscara que diz a verdade, a bateria que percursiona o ritmo apelativo da fruição sensorial.

O Museu Julio de Castilhos com esta mostra, faz uma homenagem às festividades do carnaval através destas peças do seu acervo. 

Agradecemos a 
União do Grupo Especial de Porto Alegre - UGESPA
e a Associação das Entidades Carnavalescas - AECPARS